Hospital Alcides Carneiro inicia campanha emergencial de doação de sangue

A Agência Transfusional do Hospital Alcides Carneiro, responsável pelas transfusões de sangue dos pacientes internados, de cirurgias, oncológicos e da urgência do HAC, além das demandas das Upas, deu início a uma campanha emergencial de doação de sangue para a instituição. De acordo com o setor, o estoque da unidade atingiu um nível crítico após os feriados prolongados das últimas duas semanas.

Algumas cirurgias eletivas precisaram ser momentaneamente suspensas – a depender da disponibilidade do tipo sanguíneo compatível – uma vez que é preciso também reservar bolsas para pacientes que necessitam de procedimentos de maior urgência, atendidos tanto nas emergências do próprio Alcides Carneiro quanto nas três Upas da cidade.“O povo petropolitano é sensível e solidário e temos a certeza de que estarão engajados nessa campanha. É essencial a regularização dos estoques para garantir a realização de uma série de procedimentos”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

São transfundidas pelo Alcides Carneiro aproximadamente 250 bolsas de sangue por mês, demanda atendida pelo Instituto Estadual de Hematologia Arthur de Siqueira Cavalcanti (Hemorio), chegando a 300 mensais em alguns períodos e que acaba sendo complementada pelo banco de sangue do Hospital Santa Teresa, quando a rede estadual não é capaz de contemplar a necessidade do HAC.

Saiba o que é preciso para doar:

– Apresentar um documento oficial com foto (RG, CNH, etc.) em bom estado de conservação;

– Ter idade entre 16 e 69 anos – desde que a primeira doação seja realizada até os 60 anos (menores de idade precisam de autorização e presença dos pais no momento da doação);

– Estar em boas condições de saúde;

– Pesar no mínimo 50kg;

– Não ter feito uso de bebida alcoólica nas últimas 12 horas;

– Aguardar três horas após o almoço ou ingestão de alimentos gordurosos. Não é necessário estar em jejum;

– Se fez tatuagem e/ou piercing, aguardar 12 meses. Em caso de piercings localizados em região genital e língua, aguardar 12 meses após a retirada;

– Se passou por endoscopia ou procedimento endoscópico, aguardar 6 meses;

– Não ter tido gripe ou resfriado nos últimos 30 dias,

– Não ter tido sífilis, Doença de Chagas ou AIDS;

– Não ter diabetes em uso de medicações;

– Em caso de hipertensão, uso de medicamentos e cirurgias, consultar um médico.

SERVIÇO:

– Banco de Sangue do Hospital Santa Teresa (HST)Rua Doutor Paulo Hervê, 1130 – Bingen – Petrópolis

Telefone: (24) 2245-2324 / (24) 99269-4355

Horário: 07h30 às 18h, todos os dias.

– Instituto Estadual de Hematologia Arthur de Siqueira Cavalcanti (Hemorio)

Rua Frei Caneca, nº 8 – Centro – Rio de Janeiro

Telefone: (21) 2232-8611

Telefone para agendamentos: 0800 282 0708

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *